A história ensina: Palmeiras venceu os três Dérbis em Itaquera saindo na frente do placar

A história ensina: Palmeiras venceu os três Dérbis em Itaquera saindo na frente do placar

Fotos: Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação

Após avançar para as quartas de final da Copa Libertadores, o foco do Palmeiras a partir de agora passou a ser apenas um: agora é Dérbi!

O Verdão encara o seu maior arquirrival no próximo domingo (4), em Itaquera, precisando da vitória para não deixar o Santos se distanciar na ponta do Brasileirão.

O Palmeiras é o time que mais venceu o Corinthians em sua arena. Até hoje foram 3 vitórias e também uma classificação nos pênaltis no Paulista de 2015.

Nas três vitórias alviverdes no estádio corinthiano, o Verdão saiu na frente do placar e também não foi vazado.

Em 2015, o Palmeiras foi um dos únicos times a vencer a equipe de Tite no campeonato brasileiro. O alvinegro terminaria aquele campeonato com uma pontuação que até hoje ninguém conseguiu bater, porém foi derrotado pelo Verdão por 2 a 0 na quinta rodada.

Em 2016, o time de Cuca dominou o Corinthians e com uma atuação soberana seguiu forte rumo ao título brasileiro, vencendo mais uma vez por 2 a 0, gols de Moisés e Yerry Mina.

29456961780_8f45360aa0_z

Já em 2018, na última vez que o Palmeiras venceu o rival em Itaquera, vitória magra por 1 a 0 no primeiro jogo da final do Paulista, gol de Miguel Borja logo nos primeiros minutos de jogo.

Até hoje o Verdão também é o time que mais balançou as redes do Corinthians em seu estádio. Foram nove gols marcados. Mina (2), Moisés (2), Rafael Marques (2), Borja, Zé Roberto e Victor Ramos marcaram os gols palestrinos.

A história recente do Dérbi mostra que quem sai na frente dificilmente perde o jogo. Já são 21 jogos sem termos uma virada. A última foi em junho de 2012, vitória alvinegra por 2 a 1 no Pacaembu.

Essa característica também tem sido uma marca do Palmeiras de Scolari desde que o técnico voltou pela terceira vez ao clube.

O Palmeiras é um time que se abre o placar dificilmente perde ou empata a partida, por outro lado se sofre o gol não consegue a virada de jeito nenhum.

Um time forjado para contra-atacar e aproveitar a sua velocidade e verticalidade quando os espaços se abrem. O problema é quando o adversário sabe neutralizar os pontos fortes do time.

Há quatro anos também não temos um empate no clássico. Desde aquele 3 a 3 de 2015 no Allianz Parque, foram 11 jogos, com 6 vitórias corinthianas e 5 palmeirenses.

Neste ano, no único encontro entre as duas equipes, mais uma vez o filme se repetiu. Gol de Danilo Avelar logo aos 7 minutos de jogo, pressão alviverde nos outros quase 85. Sem sucesso.

A última virada que tivemos em um Palmeiras x Corinthians com vitória alviverde foi em 2011, em Presidente Prudente, quando o Verdão venceu por 2 a 1. Emerson Sheik abriu o placar enquanto Luan e Fernandão garantiram o triunfo alviverde.

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 28 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!