Amarcord: Bahia 1 x 1 Palmeiras, BR-78

Amarcord: Bahia 1 x 1 Palmeiras, BR-78

https://youtu.be/RoiI4SA8qRo

Quartas-de-final do BR-78. Na ida, Palmeiras 2 x 1 Bahia, dois gols do grande baixinho artilheiro Toninho. Beijoca diminuiu e deixou o Tricolor com chances de classificação na volta, na Fonte Nova cheia com 80 mil pessoas.

Mas o centroavante baiano saiu lesionado aos 17. O mesmo Beijoca que, no ano seguinte, entrou para levar algum palmeirense expulso nessa mesma fase da competição e acabou quebrando o dedo e só ele acabou excluído, no mitológico Palmeiras 4 x 1 Flamengo, no Rio, pelo BR-79. Papel ridículo de um grande e gozado goleador.

Sem Beijoca por quase todo o jogo de volta na Bahia, e com o Palmeiras de Jorge Vieira jogando pelo empate, pouco futebol se viu. Sem dormir direito pelo buzinaço e foguetório na madrugada no hotel em Salvador, o Verdão aproveitou a segunda boa chance na partida e fez 1 a 0, aos 24. Pedrinho cobrou falta e Toninho nem tirou o pé do chão para cabecear por baixo de Luís Antônio.

O Bahia veio pra cima na segunda etapa e empatou com o ídolo Douglas, depois de passe de Alberto Leguelé, aos 14. Vieira colocou até o zagueiro Marinho Peres no lugar do lesionado Toninho no final para garantir o empate justo e a classificação merecida para enfrentar (e superar) o Internacional.

Jogo que vi na velha TV colorida de casa, sofrendo como ainda não sabia ao certo o que seria sortimento. Naquele dia o Palmeiras só tinha pouco menos de dois do que viriam a ser 16 anos de fila. Mal sabíamos o mal que viria.

Não por acaso, no dia seguinte, o Conselho Deliberativo decidiria o que fazer com o presidente afastado Jordão Bruno Sacomani, que desfalcara os cofres do clube em 8 milhões de cruzeiros (posteriormente devolvidos). Era o início de anos de ferro e chumbo no Palestra.

BAHIA 1 X 1 PALMEIRAS
Campeonato Brasileiro/Quartas-de-Final — 2º JOGO
DOMINGO, 30/julho (tarde)
Estádio: Fonte Nova
Salvador (BA)
Juiz: José Roberto Wright (RJ)
Renda: Cr$ 2 342 900
Público: 80. 000
PALMEIRAS: Leão; Rosemiro, Beto Fuscão, Alfredo e Pedrinho; Pires, Jorge Mendonça (Ivo) e Escurinho;
Sílvio, Toninho (Marinho Peres) e Toninho Vanusa
Técnico: Jorge Vieira
Gols: Toninho 24 do 1º; Douglas 14 do 2º

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.