Após queda no Paulista e longo descanso, Palmeiras se reapresenta e tenta repetir 2016

Após queda no Paulista e longo descanso, Palmeiras se reapresenta e tenta repetir 2016

(Fotos: César Greco/Ag. Palmeiras/ Divulgação)

Após 3 dias de folga, o elenco do Palmeiras se reapresenta nesta terça-feira visando a preparação para o jogo contra o Melgar pela Libertadores e o início do Brasileirão.

Este último final de semana foi o primeiro sem jogos do clube desde o início da temporada. O que seriam quase 13 dias livres para treinos, virou apenas uma semana de atividade. Uma vez que o elenco deve viajar para o Peru já na próxima segunda-feira.

A última vez que o Palmeiras ficou tanto tempo sem jogar foi na temporada de 2016. Após ser eliminado na semifinal do Paulista e cair na fase de grupos da Libertadores, Cuca teve mais de 15 dias para preparar o time para o início do Brasileirão.

A pausa foi essencial para o time que no final do ano iria bater como campeão brasileiro. Por preferência do recém chegado treinador, o Palmeiras finalizou a preparação para o início do Brasileiro em Atibaia, interior paulista.

26668546760_a3cb54a781_z

Este ano o cenário é um pouco diferente. Precisando de um empate para garantir a sua vaga na próxima fase da Libertadores, o Verdão não tem só o Brasileirão como prioridade para o resto da temporada, porém o número de peças em 2019 é bem maior do que o de 2016.

No ano passado, na pausa para Copa, o Palmeiras ficou sem jogar do dia 13 de junho, após empate com o Flamengo pelo Brasileirão, até dia 30 do mesmo mês, quando iniciou a série de três amistosos na América Central.

O Palmeiras se reapresenta nesta terça-feira a partir das 15h30 na Academia de Futebol. Como já é rotina, somente o aquecimento será liberado para a imprensa.

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 28 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!