Atletas e funcionários da base aderem ao Avanti em solidariedade ao Palmeiras

Atletas e funcionários da base aderem ao Avanti em solidariedade ao Palmeiras

(Foto: Fábio Menotti)

Atletas e funcionários das categorias de base do Palmeiras aderiram ao plano de sócio-torcedor Avanti, iniciativa que reforça a importância das boas ações no atual cenário mundial.

A associação foi feita por 100% dos funcionários do Centro de Formação de Atletas, inclusos gestores e diretores, e por alguns atletas das categorias Sub-17 e Sub-20, totalizando mais de 110 adesões ao programa. A expectativa é que o índice cresça nos próximos dias, já que jogadores de outras categorias também demonstraram interesse na ação e cada um tem a liberdade de escolher o melhor plano para si.

“Essa atitude é um agradecimento a tudo o que o clube tem feito por todos aqueles que vestem sua camisa. Diversas medidas têm sido tomadas para o bem-estar dos empregados, e isso reforça os pilares do lema ‘Família Palmeiras’, sobretudo a união e a solidariedade, essenciais neste momento”, destacou João Paulo Sampaio, gerente do CFA palmeirense.

Vale lembrar que a base palmeirense, no dia 13 de março, foi uma das primeiras a suspender as atividades na Academia de Futebol 2, em Guarulhos-SP, por conta da pandemia. Inicialmente, os elencos Sub-10, Sub-11, Sub-12, Sub-13 e Sub-14 foram dispensados, condição que se estendeu aos demais na mesma semana.

“Na situação prática, diante de tudo o que nos foi ofertado, ainda tínhamos um sentimento de que poderíamos fazer mais, além do grandioso gesto da carta aberta. Uma família permanece unida nos bons e nos maus momentos, e sabemos que iniciativas como esta são importantes. Foi de coração, e só tenho a agradecer ao clube por tudo o que tem feito por nós”, disse Rodrigo Jordão, treinador do time Sub-11 do Verdão.

Após a suspensão das atividades presenciais, o Palmeiras prescreveu atividades diárias para todas as categorias, além de realizar acompanhamento online com psicólogo, pedagogo, nutricionista e assistente social. O clube também tem auxiliado os atletas com cestas básicas, maior ajuda de custo (equipes menores) e manutenção de salários (equipes maiores).

“Nós decidimos ajudar o clube que tanto pensa em nós e nos possibilita fazer dele ainda maior a cada dia que passa. Essa luta é de todos, e nesse momento vimos que precisamos uns dos outros para fazer a diferença. A união é a nossa força para combater esse vírus e espero que tudo volte ao normal em breve”, ponderou Henri, zagueiro da equipe Sub-20 alviverde.