Crias da Academia abrem 2020 alviverde querendo trocar pressão por apoio

Crias da Academia abrem 2020 alviverde querendo trocar pressão por apoio

Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

A primeira coletiva do ano na Academia de Futebol do Palmeiras foi apenas um aperitivo do que será a temporara alviverde. Patrick de Paula, Gabriel Menino e Lucas Esteves, três crias da base alviverde receberam a imprensa na tarde desta segunda-feira.

Tímidos e ainda desajeitados com tantos repórteres na frente, o trio respondeu sobre a expectativa de representarem o Verdão agora no profissional e também sobre o primeiro contato com Vanderlei Luxemburgo.

Lucas Esteves, integrado ao profissional desde o ano passado, se mostrou o mais solto na coletiva. Demonstrando personalidade, o lateral esquerdo afirmou não ter receio da pressão da torcida do Palmeiras.

Os três se juntaram a outros seis atletas criados na base do Palmeiras que formarão o elenco profissional do clube em 2020.

Assim que a imprensa foi liberada para entrar na Academia, podemos ver alguns atletas já correndo no campo. Casos de Dudu, Zé Rafael, Raphael Veiga, Deyverson, Mayke.

E também alguns jogadores que voltaram de empréstimo e ainda possuem contrato com o Verdão, casos de Alejandro Guerra, Emerson Santos e Pedrão.

Esta segunda-feira marcou o primeiro trabalho do Palmeiras com seu novo técnico.
Luxemburgo terá uma semana para preparar o time que vai representar o maior campeão do Brasil na Flórida Cup.

Confira como foi a coletiva completa do trio de jovens do Verdão:

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 28 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!