Deyverson completa 2 anos de Palmeiras buscando gol inédito em mata-mata

Deyverson completa 2 anos de Palmeiras buscando gol inédito em mata-mata

(Foto: César Greco/ Ag. Palmeiras/ Divulgação)

Um dos principais nomes do Palmeiras em 2018, o atacante Deyverson completou nesta semana dois anos de Palmeiras.

Com muitos altos e baixos e grandes polêmicas, o camisa 16 terá um desafio inédito nesta quarta-feira diante do Internacional no Beira-Rio.

O autor do gol que garantiu o Deca Brasileiro para o Verdão nunca fez gol pelo alviverde nas fases decisivas das Copas.

O "menino maluquinho" está zerado tanto na Copa do Brasil quanto na Libertadores

Em 2017, Deyverson só atuou diante do Barcelona de Guayaquil pelo jogo de volta das oitavas da Libertadores. Além de não ter feito gol, o jogo ficou marcado para o atacante pois ele se recusou a bater o pênalti quando a decisão foi para as batidas do cal, irritando a torcida palmeirenseque viu o time dar adeus à competição continental.

Em 2018, Deyverson amargou a reserva de Borja na maioria dos "matas" que o Verdão fez. Ele chegou a receber uma chance de Roger diante do América-MG, pelas oitavas de final da Copa, mas muito criticado pela torcida, foi substituído no intervalo.

Felipão chegou e na grande chance que teve, Deyverson foi expulso diante do Bahia pelo 1° jogo das quartas da Copa do Brasil, voltando apenas a atuar no jogo de volta da semi diante do Cruzeiro, mas de novo o gol não veio.

Pela Libertadores, Deyverson voltou a receber chances de Scolari, mas novamente foi expulso diante do Cerro Porteño nas oitavas. O centroavante voltou somente na segunda semifinal diante do Boca no Allianz Parque, mas com uma atuação apagada não conseguiu ajudar o Verdão.

Em 2019, Deyverson tem dois gols na Libertadores, mas ainda pela fase de grupos, diante do Junior Barranquilla e Melgar.

Na Copa do Brasil, o atacante passou zerado pelo Sampaio Corrêa nos dois jogos e no 1° jogo diante do Internacional teve uma péssima atuação, tomando até uma bronca pública de Scolari.

Hoje, mais uma vez titular, Deyverson tem a chance da redenção e de afastar a seca de gols que já duram três jogos (contando o amistoso diante do Guarani).

Deyverson fará o jogo de número 87 com a camisa do Palmeiras, na qual possui um título brasileiro e 23 gols marcados.

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 28 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!