Dudu!

Domingo cedo, 11 de janeiro de 2015, o telefone tocava antes de eu chegar na redação carioca do Fox Sports. Surpresa via Twitter: Palmeiras anunciava a chegada do atacante que dissera não ao São Paulo na sexta-feira e parecia que diria sim ao Corinthians na segunda.
Dudu era do Palmeiras. Parecia brincadeira. Mas era sério. E era caro demais. Mas ainda hoje se paga com juros e correção futebolística.
Quando perdeu o pênalti na decisão do SP-15 e depois a cabeça no jogo de volta na Vila ao dar uma peitada no árbitro, também achei caro demais. Não valia o investimento.
Quando fez os gols naquele mesmo ano naquele mesmo rival na final da Copa do Brasil, quem perdeu a cabeça com minha ideia inicial fui eu mesmo.
Um dos craques do enea em 2016. O craque do deca em 2018. O melhor no Brasil desde quando deu o chapéu. A melhor notícia de 2019 ao dizer não pra China. O cara que carregou quase tudo e quase todos nós nas costas no ano passado.
O Dudu que honra o nome e a raça do Dudu de 1964 a 1976. O camisa 7 que herda a graça e a classe de Edmundo de 1993-95, 2006-07.
O Dudu que hoje faz aniversário. Num dia 7 como ele. Como todos nós.
Obrigado, Baixola. Você é gigante.

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.