Em busca da vitória de número 100, confira o Top Deca do Verdão na Libertadores

Em busca da vitória de número 100, confira o Top Deca do Verdão na Libertadores

Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O Palmeiras pode alcançar hoje diante do Guaraní-PAR no Allianz Parque, a sua vitória de número 100 na história da Copa Libertadores. Com um triunfo a menos que o Grêmio, o Verdão é a segunda equipe brasileira com mais vitórias na competição.

Para esquentar esse clima sempre épico de noite de Copa, decidimos fazer um TOP 10 das maiores vitórias do Palmeiras na competição continental.

Confere aí!

Palmeiras 2 x 1 Deportivo Cali - 1999

Nas margens do rio Amazonas, ouviu-se o grito do chute pra fora de Zapata. A histórica remontada que garantiu ainda que nos pênaltis, o primeiro e único título do Verdão na história da Libertadores. O Palmeiras chegou na final em outras três oportunidades, mas ficou com o vice.

Palmeiras 4 x 3 Corinthians - 2000

Uma das maiores vitórias do clube nos seus 105 anos de história. A segunda classificação seguida em cima do maior rival teve um roteiro mais do que épico. Virada no tempo normal, e São Marcos defendendo o pênalti de Marcelinho nas penalidades.

Palmeiras 3 x 0 River Plate - 1999

A maior atuação da carreira de Alex garantiu o Verdão na final da Libertadores de 1999. Após um duríssimo jogo em Buenos Aires, o Verdão atropelou o forte time do River Plate no Palestra e avançou para a grande decisão.

Palmeiras 6 x 1 Boca Juniors - 1994

Uma das derrotas mais humilhantes do poderoso Boca Juniors na Copa Libertadores e também na sua história. Com Vanderlei Luxemburgo no banco de reservas, o Verdão não teve piedade dos argentinos e aplicou uma goleada histórica.

Palmeiras 4 x 2 Vasco - 1999

Uma das maiores vitórias da história do Palmeiras. Na casa do então campeão da América, favorito na disputa de um lugar nas quartas-de-final da Libertadores-99, o Verdão comandado por Alex fez 4 a 2 no Vasco e se classificou para enfrentar novamente o Corinthians, que eliminou na mesma noite o Jorge Wilstermann, no Pacaembu.

Assim como na semifinal da Copa Rio de 1951, o Palmeiras desbancava o favoritismo do badalado Vasco.

Palmeiras 1 x 0 Colo Colo - 2009

Novamente com Vanderlei Luxemburgo no banco, o Palmeiras necessitava da vitória em Santiago para se classificar para a fase final da Libertadores. Melhor que o adversário em toda partida, a bola teimou em não entrar, até que Cleiton Xavier acertou um petardo no ângulo aos 44 do segundo tempo e fez São Paulo tremer!

Palmeiras 3 x 2 Peñarol - 2017

Uma das vitórias mais épicas do novo Palestra Itália. Só quem estava no Allianz Parque naquele 12 de abril sabe o que foi aquela épica virada, com gol de Fabiano aos 54 minutos do segundo tempo. Nunca o estádio do Palmeiras alcançou tantos decibéis de barulho igual naquela noite.

Boca Juniors 0 x 2 Palmeiras - 2018

Pouquíssimos times conseguiram vencer o Boca Juniors na temida La Bombonera. Na história da competição, apenas Santos, Cruzeiro, Paysandu e Fluminense haviam conseguido o feito. Mas o Palmeiras de Roger Machado comandado por Keno conseguiu a vitória inédita do clube em um dos maiores palcos do futebol da América Latina. Mais de 50 anos depois, o Boca perdia dentro da La Bombonera por 2 gols de diferença na Libertadores.

Palmeiras 5 x 1 Grêmio - 1995

A história desse jogo é triste para o torcedor palmeirense, porém carrega uma pitada de orgulho. Após sofrer 5 a 0 em Porto Alegre, o Verdão contou com o apoio da torcida que lotou o Parque Antártica. A virada e a classificação não aconteceram por detalhes.

Palmeiras 7x0 El Nacional - 1995

Também na edição de 1995, o Palmeiras recebeu o El Nacional do Equador no Palestra e sem piedade alguma dos visitantes, aplicou uma goleada por 7 a 0, naquela que ainda é até hoje a maior goleada do clube na competição.Show da dupla Rivaldo e Edmundo.

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 28 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!