Empate-vitória: Flamengo 1 x 1 Palmeiras

Empate-vitória: Flamengo 1 x 1 Palmeiras

O Flamengo tinha de vencer o clássico no Maracanã cheio para ganhar um Brasileiro ainda possível. O Palmeiras podia empatar o jogo para manter 4 pontos de vantagem e uma rodada a menos com uma tabela teoricamente menos complicada até o final.
O resultado foi ruim e decepcionante para o Flamengo. O empate é excelente mas também um pouco frustrante para o Palmeiras que até os 34 finais tinha encaminhado o título depois do golaço de Dudu, recebendo mais uma bola espetada da zaga na ligação direta por Antonio Carlos, aos 4 do segundo tempo. Sofrimento mesmo o palmeirense teve a partir do empate aos 35, em bela arrancada de Marlos Moreno. Outro rival que, como Benedetto, não fazia gol há muito tempo (desde 2016), e se aproveitou de Gómez frio (que acabara de entrar na lateral no lugar de outro improvisado Luan). No lance seguinte, um minuto depois, o colombiano serviu Paquetá que isolou a bola do jogo. Quem sabe do campeonato.

Ao final, o Flamengo teve apenas seis chances reais de gol. Quase nada. O Palmeiras, apenas três (ainda menos, e sem contar o gol perdido no final do primeiro tempo tempo por Guerra, em lance já invalidado por impedimento mal marcado). O time de Dorival Júnior tinha de fazer muito mais. Mas Everton Ribeiro novamente negou fogo, os três bons lances de Vitinho pouco surtiram efeito, Paquetá foi bem marcado por Thiago Santos e Felipe Melo (em outra ótima atuação), e Uribe não se viu. Quando Diego entrou, de novo pouco construiu.
Sem os três laterais-direitos, com a zaga hoje reserva (embora boa), sem Bruno Henrique, com os titulares Willian e Moisés entrando só depois, Deyverson e Lucas Lima suspenso, e Hyoran mais uma vez assustado, coube a Dudu desequilibrar no golaço, e Weverton fazer duas belas defesas na segunda etapa, mantendo o empate mesmo a duras penas, bolas e desgaste visível.
Um senhor resultado para um grande líder que conseguiu 9 vitórias e 4 empates com a escalação alternativa. Um castigo pesado para o Flamengo que mais uma vez não soube decidir.

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.