Emprestado pelo Palmeiras, Artur brilha em início de temporada pelo Bahia

Emprestado pelo Palmeiras, Artur brilha em início de temporada pelo Bahia

Foto: EC Bahia/ Divulgação

Sem espaço no elenco do Palmeiras devido a chegada de Carlos Eduardo e Felipe Pires, Artur foi emprestado ao Bahia por uma temporada para adquirir mais sequência de jogos. O atleta possui vínculo com o clube alviverde até o final de 2021.

No time baiano, o meia-atacante tem mostrado o quão decisivo pode ser no setor ofensivo. Até o momento, marcou um gol, deu uma assistência e participou de forma efetiva em quatro dos onze gols do Bahia. Na última quinta-feira, Artur foi um dos destaques da equipe diante do Liverpool pela Sul-Americana. Apesar da derrota, foi o jogador que mais finalizou: chegou ao gol nove vezes, deixando pra trás Douglas, Guilherme e Gilberto que finalizaram apenas cinco vezes. O jovem de 20 anos também foi o que mais chances criou, no total foram quatro. Teve 82% de precisão nos passes, ajudou o time na interceptação e no setor defensivo.

Na sua estreia pelo tricolor, o canhoto foi eleito o craque da partida no empate por 1 a 1 contra o CRB pela Copa do Nordeste. Após bola no travessão e belíssima atuação, Artur foi apelidado pelos torcedores como "Dybala do Nordeste". Nesta temporada, disputará pelo Bahia o Campeonato Baiano, Copa do Nordeste, Copa do Brasil, Copa Sul-Americana e Campeonato Brasileiro.

46161108354_d83667fccb_z

Artur jogava pelo Ceará em 2015, quando enfrentou o sub-17 palmeirense que tinha Gabriel Jesus. O Verdão venceu a partida por 2 a 1 e o craque foi autor do único gol cearense. Com bom desempenho, acabou contratado para jogar na base alviverde onde sempre teve o status de promesa.

Em 2017, foi um dos principais destaques da Série B pelo Londrina. Atuou em 36 jogos como titular absoluto, marcou 8 gols e deu 9 assistências, além de ter conquistado a Primeira Liga. No mesmo ano, fez parte da seleção brasileira que disputou o Sul-Americano Sub-20.

Após boa temporada, voltou ao Palmeiras e não conseguiu repetir boas atuações. Passou por duas cirurgias devido entorse e fratura no braço. Em 2018, atuou em apenas nove partidas: três como titular e marcou 2 gols. Foi campeão brasileiro pela equipe principal e pelo sub-20.