Especial Libertadores-99: Deportivo Cali 1 x 0 Palmeiras, em 02/06/1999

Especial Libertadores-99: Deportivo Cali 1 x 0 Palmeiras, em 02/06/1999

Felipão completou dois anos como treinador do Palmeiras em Cali. Mas o presente foi indigesto. O Deportivo foi melhor e mereceu a vitória por 1 a 0 contra um Palmeiras sem gás pra reação na segunda etapa, também pelo desgaste da temporada insana. Elenco que sabia que poderia ter sido pior o resultado não fosse Marcos, na primeira decisiva da Libertadores.

Diferentemente da semifinal em Buenos Aires contra o River Plate, Felipão escalou o Palmeiras mais ofensivo, no 4-3-1-2 usual, com Zinho dando um pé mais atrás pra liberar Alex e também Júnior, que desta vez não fez boa partida.

Bonilla, perigoso centroavante colombiano, só não abriu o placar aos 8 minutos pela ótima saída de Marcos. Aos 22, Rogério e Arce interceptaram tiros colombianos. A pressão aumentava. Aos 30, na única falha de Marcos, Candelo perdeu grande chance.

Marcos fez grande defesa em lance de Castillo, aos 35. Aos 38, a melhor chance palmeirense, com César Sampaio de cabeça, depois de cobrança de falta de Alex.

Bonilla só não marcou aos 40 por causa de Marcos. Dois minutos depois, não teve como. Bonilla escorou de cabeça belo lance de Candelo e fez 1 a 0.

Palmeiras voltou melhor pra segunda etapa com a entrada de Evair no lugar de Oséas. Aos 15, Arce cobrou falta no travessão. Bonilla reclamou de pênalti discutível aos 16. Até o final, o time de Felipão foi cansando e dando mais espaço aos colombianos, que não tiveram tantas chances como na primeira etapa.

No Brasil, presidente da CBF estava confiante que país sediaria primeiro mundial de clubes organizado pela FIFA. Arábia Saudita também estava forte na disputa do torneio que seria disputado em janeiro de 2000. México e Uruguai corriam por fora como candidatos à sede.

A ideia da entidade era um campeonato com 8 clubes: os seis campeões continentais de 1999, o campeão mundial de 1998 (Real Madrid), e um clube representante do país-sede.

DEPORTIVO CALI 2 x 1 PALMEIRAS
Libertadores da América/Final (1º jogo)
Quarta-feira, 2/junho (noite)
Olímpico Pascual Guerrero
Cali (COLÔMBIA)
Juiz: Márcio Fernando Sánchez (CHILE)
Renda: não disponível
Público: não disponível
PALMEIRAS: Marcos; Arce, Júnior Baiano, Roque Júnior e Júnior; César Sampaio, Rogério e Zinho; Alex (Euller) Paulo Nunes e Oséas (Evair) (Galeano))
Técnico: Luiz Felipe Scolari
Gol: Bonilla 42 do 1º

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.