Especial Libertadores-99: Palmeiras 2 x 1 Rio Branco, em 11/04/1999

Especial Libertadores-99: Palmeiras 2 x 1 Rio Branco, em 11/04/1999

Apesar da maratona insana, Felipão não poupou muitos titulares na vitória contra o Rio Branco, no Palestra, três dias antes da estreia nas oitavas da Libertadores contra o Vasco.

Também porque a FPF ameaçava tirar a cota do clube por causa disso. Felipão não teve muito o que fazer.

Júnior Baiano. Evair e Zinho não foram relacionados. Paulo Nunes, Júnior e Galeano ficaram no banco.

Ermilson reestreou. O atacante que estava no Kyoto havia atuado pelo Palmeiras em 1997.

O zagueiro Gilmar Lima (que depois atuaria no Palmeiras) fez 1 a 0 de cabeça, aos 6. Arce perdeu um pênalti aos 14, defendido por Gustavo.

Souza foi expulso aos 38. O time foi vaiado no intervalo. Sobretudo Roque Júnior e Rubens Júnior.

Paulo Nunes, aos 7, e Edmilson, aos 32, viraram um jogo em que foi muito melhor o placar do que a atuação.

PALMEIRAS 2 X 1 RIO BRANCO
Campeonato Paulista/Segunda Fase
Data: domingo, 11/abril (tarde)
Palestra Italia
Cidade: São Paulo (SP)
Juiz: Sidrack Marinho dos Santos (SE)
Renda: não disponível
Público: 5 384
PALMEIRAS: Marcos; Arce, Roque Júnior, Cléber e Rubens Júnior (Júnior); César
Sampaio (Juliano), Rogério e Jackson (Paulo Nunes); Alex; Edmilson e Oséas
Técnico: Luiz Felipe Scolari
Gols: Gilmar Lima 6 do 1º; Paulo Nunes 7 e Edmílson 32 do 2º
Expulsão: Souza
JOGO 4 574
PALMEIRAS 1 X 1

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.