Especial Robertão-69: primeira vitória, Santa Cruz 2 x 3 Palmeiras

Especial Robertão-69: primeira vitória, Santa Cruz 2 x 3 Palmeiras

Na véspera do jogo no Recife, a imprensa paulista especulava quem seria o substituto de José Giménez López como diretor de futebol. Ferrucio Sandoli, Nelson Duque e Paschoal Giuliano eram os mais cotados. Se o Verdão não vencesse seu primeiro jogo em seis no Robertão, a queda do cartola que montara o elenco parecia provável. Com ele poderia ir junto o treinador Rubens Minelli. Tim, do Flamengo, era o nome mais comentado. O fato de o presidente Delfino Facchina ter voltado da Europa na véspera ajudara Giménez a se manter e calar as muitas cornetas do apocalipse palmeirense. O pedido do presidente por mais dias de licença por problemas de saúde davam mais poderes ao vice Paschoal Giuliano.

Minelli mudou mais uma vez o time. Jaime retornou ao meio-campo no lugar de Zé Carlos. Ademir da Guia e Eurico seguiam fora por lesão. Zeca era o novo titular da lateral-esquerda.

O Santa Cruz começou melhor. Era mais perigoso, mas parava em Leão. Aos 39, Jaime bateu uma falta que Pedrinho deu rebote. César foi mais rápido e abriu o placar na Ilha.

Aos 18 da segunda etapa, jogo lá e cá, César ampliou depois de receber de Edu, em falha de Pedrinho. Aos 26, Luciano Coalhada diminuiu de pênalti cometido por Neves. Dois minutos depois, Fernando Santana empatou.

Aos 31, mais uma falta cobrada por Jaime, mais uma falha de Pedrinho (que seria substituído por Félix na sequência), e César marcou seu terceiro gol. O da primeira vitória no Robertão.

Na volta a São Paulo, Giménez disse que só sairia se quisesse do futebol. “Não será meia dúzia de corneteiros que irá me tirar do Palmeiras”. Ele disse estar tão tranquilo no cargo que aproveitou a viagem até Recife para comprar passarinhos para sua loja.

O presidente em exercício Paschoal Giuliano também garantiu a permanência de Giménez López. Ele também descartou a vinda de Tim ou de Filpo Núñez (“enquanto eu dirigir o clube ele não volta. E mesmo depois disso”).

Prestigiado, Minelli disse que o time enfim teria mais confiança para jogar melhor no Robertão depois da primeira vitória em seis rodadas. “A equipe agora pode deslanchar e pensar em muito mais coisas boas até o final da competição”.

Ele não queria dizer o que parecia impossível. Mas realmente pensava em classificação.

SANTA CRUZ 2 x 3 PALMEIRAS
Roberto Gomes Pedrosa - 1ª fase
Quarta-feira, 1/outubro (noite)
Ilha do Retiro
Recife (PE)
Juiz: Aírton Vieira de Moraes (SP)
Renda: não disponível
Público: não disponível
PALMEIRAS: Leão; Neves, Baldochi, Nelson e Zeca; Dudu, Jaime e Cabralzinho; Edu, César e Serginho
Técnico: Rubens Minelli
Gols: César 38 do 1º; César 18, Luciano (pênalti) 26, Fernando Santana 28 e César 31 do

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.