Há 54 anos, Palmeiras representava a seleção brasileira e goleava o Uruguai

Há 54 anos, Palmeiras representava a seleção brasileira e goleava o Uruguai

Foto: Divulgação- Site do Palmeiras

Um dos dias mais emblemáticos da história do Palmeiras completa mais um ano de vida neste sábado. No dia 7 de setembro de 1965, o Verdão representou a seleção brasileira em um amistoso que inaugurou o Mineirão.

Em meio à primeira Academia, que contava com jogadores históricos como Ademir da Guia, Dudu, Djalma Santos e outros, o Palmeiras foi convocado de goleiro à ponta-esquerda, titulares e reservas, além de toda a comissão técnica e outros funcionários, como massagistas, para representar o Brasil contra o Uruguai.

A CBD (atual CBF), escolheu o Palmeiras entendendo ser o melhor time do futebol brasileiro naquela ocasião e o mais preparado para representar a seleção.

Em campo, o Palmeiras/Brasil deu uma aula de futebol. Venceu por 3 a 0 a poderosa seleção uruguaia. Rinaldo, Germano e Tupãzinho fizeram os gols da goleada.

Ao site oficial do Verdão, o ex-goleiro Valdir de Moraes relembrou a partida acreditando que nunca mais algo do tipo acontecerá:

"Foi algo mágico, imensurável na época e nos dias atuais. Foi o dia em que um clube de futebol representou toda uma nação. Não sei se vai existir uma homenagem desse tipo algum dia. É algo que até hoje sou lembrado. E que o Palmeiras vai carregar para o resto de sua vida."

Escalação do Palmeiras/Brasil: Valdir de Moraes (Picasso); Djalma Santos, Djalma Dias, Valdemar (Procópio) e Ferrari; Dudu (Zequinha) e Ademir da Guia; Julinho (Germano), Servílio, Tupãzinho (Ademar Pantera) e Rinaldo (Dario).

  • Mohamed Nassif

    Mohamed Nassif

    Jornalista formado em 2016 pela FIAM-FAAM. Teve passagens pela TV Bandeirantes e pelo portal Torcedores.com