Honrando a Academia! Palmeiras troca 39 passes até gol de Bruno Henrique e prova no campo mudança de estilo

Honrando a Academia! Palmeiras troca 39 passes até gol de Bruno Henrique e prova no campo mudança de estilo

Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

O palmeirense que foi ao Pacaembu no início de noite desta quinta-feira, 26, não se arrependeu nem um pouco de ter ido apoiar o time no duelo diante do CSA.

Principalmente pelo primeiro tempo, quando o Verdão soube como ninguém controlar a partida e criar diversas chances de gol, do jeito que Mano mais gosta: pelo chão.

O gol de Bruno Henrique, o terceiro do Palmeiras no jogo é uma prova do bom início de trabalho de Mano no Palmeiras.

A insistência em fazer o time gostar da posse de bola deu resultado.

Após trocar mais de 37 passes a bola chegou para Diogo Barbosa, livre na esquerda, servir Bruno para marcar um golaço no Municipal.

EFbjRfbW4AAvVuK

O Palmeiras trocou ao todo mais de 620 passes durante o jogo, acertando 598 deles, o que dá uma média de 85% de aproveitamento.

Um índice altíssimo de um time que ainda pode crescer muito mais.

Após sofrer com recente falta de ideias e de repertório com Felipão, o torcedor palmeirense parece que terá mais prazer em ver o time jogar, ditando as ações e o ritmo dos jogos, como um elenco dessa qualidade pede.

Como o próprio Mano Menezes disse na coletiva após a goleada: o futebol é surpreendente.

E por enquanto ele não cansa de surpreender.

Inclusive esse que vos fala.

Confere aí o novo comandante do Verdão falando sobre a importância de Bruno Henrique para o time do Palmeiras:

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 28 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!