Ou encoleira o Pitbull ou ele morde o dono

Ou encoleira o Pitbull ou ele morde o dono

(Foto: César Greco/Agência Palmeiras)

Felipe Melo é, disparado, o jogador mais indisciplinado do Palmeiras em 2018. O mais frustrante nessa história é que o volante tem futebol suficiente para não ser reconhecido apenas por sua truculência.

São 18 cartões amarelos e dois vermelhos. Resumindo a ópera: o Palmeiras não conta com Felipe Melo em momentos decisivos. E ainda: o volante pode colocar tudo a perder por atitudes como a de quinta-feira, quando conseguiu ser expulso com três minutos de jogo contra o Cerro Porteño.

Imagine só, jogo decisivo, mata-mata e o time joga praticamente a partida inteira com 10 jogadores. Todos viram como foi dificultoso. Agora, poderia ser pior caso o Palmeiras não tivesse vencido por dois de diferença, em Assunção. Ou fosse a equipe do Cerro minimamente mais qualificada.

E o Palmeiras não pode se sujeitar mais a esse tipo de postura. O volante é, com certeza, um dos atletas mais caros do elenco. Quando foi afastado pelo técnico Cuca, forçou a barra, acionou a Justiça para voltar aos treinos. Venceu o braço de ferro com o ex-treinador.

Mas, em campo, Felipe Melo não entrega o que dele se espera. Seu custo-benefício só beneficia a si próprio. Ao clube, seu empregador e pagador, ele fica devendo.

Por indisciplina, Melo ficou ou ficará fora de momentos importantes e fundamentais da temporada do clube.

Foi expulso contra o Corinthians no primeiro jogo da decisão do Campeonato Paulista e ficou de fora da partida final. Palmeiras perde o jogo, a disputa por pênaltis e o título que não levanta desde 2008.

Em quatro jogos na Copa do Brasil recebeu três cartões amarelos e não enfrentará o Cruzeiro no jogo de ida, dia 12 de setembro, pelas semifinais da competição.

Na Libertadores está suspenso, inicialmente, da partida de ida contra o Colo-Colo, em Santiago. Mas, será julgado e pode pegar um gancho ainda maior.

Sem falar de tudo que aprontou no ano passado, nas partidas contra o Peñarol, a briga no Uruguai e a suspensão imposta pela Conmebol.

Felipe Melo é bom jogador, mas, às vezes, parece que incorpora o personagem que para ele foi criado, o pitbull. Tem pitbull bem mais manso por aí.

Carinho do torcedor ele tem de sobra. É sempre ovacionado quando seu nome é anunciado no Allianz Parque. Mas, paciência tem limite. Inclusive a do torcedor.

  • Frank Fortes

    Frank Fortes

    Formado em Jornalismo pela Metodista, iniciou a carreira na Rádio ABC, passou pelo Terra e Rádio Bandeirantes, como produtor, repórter, editor, comentarista e apresentador em Esporte e Geral