Palmeiras e Felipão buscam exorcizar fantasmas rumo à final da Copa do Brasil

Palmeiras e Felipão buscam exorcizar fantasmas rumo à final da Copa do Brasil

Foto: César Greco/ Ag. Palmeiras/ Divulgação

Chegou a hora! O Palmeiras de Luiz Felipe Scolari tem hoje no Mineirão, o seu maior desafio deste segundo semestre de 2018. Após perder o primeiro jogo da semi da Copa do Brasil por 1 a 0 no Allianz Parque, o Palmeiras precisa de um resultado mínimo para levar a decisão para os pênaltis ou vencer por dois gols ou mais de diferença para garantir a vaga na final.

Para isso, o Verdão terá que acabar com um grande tabu que vem incomodando a torcida alviverde ultimamente. Já são 9 jogos diante do Cruzeiro sem saber o que é vitória, sendo cinco empates e quatro derrotas.

No ano passado na mesma competição, o Verdão vencia os mineiros até os 40 do segundo tempo, quando levou o gol que eliminou o time de Cuca das quartas da Copa do Brasil. O fato curioso é que Egídio, hoje lateral-esquerdo do Cruzeiro, matou um contra-ataque palmeirense minutos antes do gol classificatório de Diogo Barbosa, hoje lateral-esquerdo alviverde.

Apesar de estar sendo uma grande pedra no sapato palmeirense nos últimos anos, o Palmeiras leva uma grande vantagem diante do Cruzeiro em mata-mata. São 7 classificações e apenas 3 eliminações.

Em 2015, ano do tricampeonato alviverde da Copa do Brasil, o Palmeiras venceu o Cruzeiro no Mineirão por 3 a 2, naquela que foi a última vitória alviverde em cima do time de Mano Menezes, naquela época dirigido por Vanderlei Luxemburgo.

Quem também vai precisar exorcizar alguns fantasmas hoje é o técnico Felipão. O experiente e vencedor comandante do Verdão, terá o seu primeiro duelo eliminatório no mesmo palco do 7 a 1, na histórica semifinal da Copa do Mundo de 2014.

Além disso, o trabalho do pentacampeão mundial ainda segue sendo contestado. Uma classificação diante do Cruzeiro de Mano elevaria a moral do elenco e enfim provaria o grande mérito de Felipão nessa sua volta ao Palmeiras.

O restropecto de Scolari e do Verdão como visitante neste ano é bem animador. O Palmeiras tem 69% de aproveitamento como visitante em 2018, o melhor entre as equipes da Série A.

Com Felipão no comando, foram cinco vitórias e quatro empates longe de São Paulo, porém o desempenho da equipe longe do Allianz Parque já era assustador com Roger Machado.

Palmeiras e Cruzeiro se enfrentam hoje no Mineirão a partir das 21h e 45. A provável escalação do Verdão para esta noite é: Weverton, Mayke, Dracena, Antônio Carlos, Diogo Barbosa. Felipe Melo, Bruno Henrique e Moisés; Willian, Dudu e Borja.

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 27 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!