Presidente do Olimpia pede ajuda da torcida para ter Borja: 'Precisamos de 30 a 40 mil sócios'

Presidente do Olimpia pede ajuda da torcida para ter Borja: 'Precisamos de 30 a 40 mil sócios'

(Foto:Cesar Greco/Ag.Palmeiras/Divulgação)

A história de Miguel Angel Borja no Palmeiras parece estar chegando ao fim, mas ainda promete alguns capítulos nos próximos dias. O atacante que chegou ao Verdão no início de 2017 com grife de craque, negocia com o Olimpia. O time paraguaio, no entanto, fez um apelo ao seu torcedor para viabilizar a contratação:

"A negociação com o Borja não está muito avançada porque dependemos do apoio dos nossos torcedores. Estamos entre dez e doze mil sócios. Necessitamos de 30 a 40 mil sócios"- afirmou o presidente do clube, Marco Trovato, a uma rádio local, dando a entender que precisa de aumento no número de sócios para viabilizar as contratações.

Atualmente o Olimpia possui 10 mil sócios adimplentes.

Na última terça, Marcos Trovato e Maurício Galiotte estiveram presentes no sorteio de grupos da Libertadores de 2020. Os dirigentes alinhavaram o empréstimo do atacante colombiano pelo período de um ano e com aquisição obrigatória dos direitos economicos, ao término do vínculo, desde que as metas sejam alcançadas.

Para concluir a negociação, no entanto, a participação dos associados do clube será fundamental. Além de Borja, o Olimpia tem interesse na aquisição de Derlis Gonzales, atacante da seleção paraguaia e que defendeu o Santos na última temporada.

Miguel Borja é a contratação mais cara da história do Palmeiras. O clube desembolsou mais de 40 milhões de reais na sua aquisição, junto ao Atlético Nacional-COL e agora espera, com a possível transferência, valorizar o atleta visando uma futura venda.

O desfecho dessa negociação está nas mãos dos torcedores paraguaios.