Quase zerado em clássicos no ano, Palmeiras desafia Santos para manter ótimo momento

Quase zerado em clássicos no ano, Palmeiras desafia Santos para manter ótimo momento

Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação

O Palmeiras recebe o Santos neste próximo sábado, 18, no Pacaembu, pela quinta rodada do Brasileirão 2019.

Empatado com o time da baixada na ponta da tabela, a partida será um desafio e tanto para os comandados de Scolari.

O desempenho do Verdão em clássicos nessa temporada não é nada bom. Até aqui, sobrou força defensiva, mas faltou muita criatividade para vencer os seus rivais.

Em 5 clássicos nesta temporada, o Palmeiras venceu somente um, diante do São Paulo, ainda pela primeira fase do Estadual. 1 a 0, golaço de Carlos Eduardo.

Depois, três empates e uma derrota, e também apenas um gol sofrido, de Danilo Avelar, ainda na quarta rodada do Paulistão.

No empate de 0 a 0 diante do Santos no Allianz Parque, o time de Scolari até foi melhor que o de Sampaoli, mas desperdiçando diversas chances de gol, o alviverde não conseguiu derrotar o rival praiano, que é bom que se lembre, estava com um time recheado de reservas.

Agora o time de Scolari tem mais uma chance de melhorar o seu desempenho em um clássico estadual.

O Santos de Sampaoli chega para o confronto como uma das grandes sensações do futebol brasileiro. Apesar da mentalidade ofensiva, o Peixe já levou 26 gols nessa temporada, 18 a mais que o Palmeiras.

Jogo que vale a liderança da tabela, a manutenção dos 27 jogos sem derrota no Brasileiro e também a invencibilidade de Luan e Gustavo Gómez, que chegam na partida com 832 minutos sem levarem gols.

O Santos de Sampaoli chega para o confronto como uma das grandes sensações do futebol brasileiro. Apesar da mentalidade e força ofensiva, o Peixe já levou 23 gols nessa temporada, 15 a mais que o Palmeiras, que demonstra um equilíbrio maior entre ataque e defesa.

O Verdão tem 40 gols marcados em 2019 e apenas 8 sofridos, número que o coloca como a melhor defesa do Brasil até aqui.

Promessa de jogão e Pacaembu lotado para este encontro, que para alívio dos palestrinos, também será transmitido pelo Esporte Interativo/TNT.

Mais de 23 mil ingressos já foram vendidos para a partida.

  • Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim

    Gabriel Amorim, 27 anos, detesta quem assiste ao jogo sentado e tem como grande ídolo Armando Nogueira. Formado em Jornalismo pela UMESP em 2012, cobriu a Copa do Mundo da Rússia pelo jornal Lance!