Ricardo Goulart precisa de 291 minutos para se tornar artilheiro do Palmeiras e líder de assistências no ano

Ricardo Goulart precisa de 291 minutos para se tornar artilheiro do Palmeiras e líder de assistências no ano

(Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras/Divulgação)

Ricardo Goulart tem apenas cinco jogos pelo Palmeiras - 291 minutos em campo - e neste curto período mostrou o quanto será importante durante a temporada.

Quando esteve no gramado contra Ferroviária, Santos, Ituano, Junior Barranquilla e Melgar, o Verdão marcou oito gols e seis tiveram a participação do camisa 11. Foram três gols e outras três assistências. Ele lidera os dois quesitos do time no ano, que disputou 12 compromissos - dez pelo Paulista e dois na Libertadores. Divide a artilheira com Borja e está isolado em passes para gol.

Mesmo com o bom desempenho, Goulart reconhece que ainda não está no ideal da parte física, além de faltar um pouco de ritmo de jogo.

"Estou muito feliz pelo resultado positivo. Hoje consegui imprimir um ritmo que fiz em anos passados. Estou muito feliz pelo meu desempenho. Agora é trabalhar e aumentar essa dinâmica. Cada jogo tem sua história, tem um esforço para ser exigido. Estou em uma porcentagem de 85%, falta um pouco de ritmo de jogo. Agora é treinar forte durante a semana. Sei que tem jogo atrás de jogo", disse Goulart após a partida.

O meia-atacante começou na reserva contra Ferroviária e Santos, atuou durante a partida inteira diante do Ituano e saiu no segundo tempo nos confrontos da Libertadores.

  • Rafael Bullara

    Rafael Bullara

    Formado em jornalismo, foi editor do Lance!, onde ficou por 12 anos. MBA em Gestão e Marketing Esportivo na Trevisan Escola de Negócios