STJD acata pedido do Botafogo e vai julgar anulação do jogo contra o Palmeiras

STJD acata pedido do Botafogo e vai julgar anulação do jogo contra o Palmeiras

(Foto: Cesar Greco/Agência Palmeiras/Divulgação)

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) acolheu o pedido do Botafogo para anular a partida contra o Palmeiras, sábado passado disputada em Brasília. O Alviverde venceu por 1 a 0 no Mané Garrincha.

Paulo César Salomão Filho, presidente do STJD, analisou o material enviado pelo clube carioca e acenou positivamente. No despacho publicado nesta terça-feira (28), Salomão Filho pede para a CBF não homologar o resultado da partida e dá dois dias para o Palmeiras se posicionar.

"Sem fazer qualquer juízo de valor quanto ao mérito da controvérsia, fazendo uma análise preliminar e perfunctória quanto aos elementos de fato e de direito expostos na petição inicial, verifica-se que os requisitos extrínsecos e intrínsecos para processamento da medida foram cumpridos pelo impugnante. Diante disso, recebo a presente impugnação e determino que se dê imediato conhecimento da instauração do processo ao Presidente da Confederação Brasileira de Futebol, para que não homologue o resultado da partida realizada no dia 25/05/2019, pelo Campeonato Brasileiro Série A 2019, entre Botafogo e Palmeiras", diz trecho escrito por Salomão.

O caso será julgado pelo Pleno e ainda não tem data marcada para acontecer. O Botafogo alega que o árbitro da partida, Paulo Roberto Alves, autorizou o reinício do jogo antes de ser chamado pelo VAR para analisar o lance do pênalti do zagueiro Gabriel em Deyverson.

  • Rafael Bullara

    Rafael Bullara

    Formado em jornalismo, foi editor do Lance!, onde ficou por 12 anos. MBA em Gestão e Marketing Esportivo na Trevisan Escola de Negócios