Willian, o Porco de Ouro 2017-18

Willian, o Porco de Ouro 2017-18

Ele é tão bom de bola que não se perde pela boca. Acima dela só tem o bigode que deixou crescer como o carinho da nossa gente por ele. Tão bom profissional e pessoa ele é que já jogou no rival mas parece que é de casa. Tão correto é que deixa as portas abertas por onde passa como as defesas que escancara com sua técnica, aplicação tática, preparação física e seriedade para jogar e até pra não jogar.

Nem precisa ser titular absoluto para ter camisa cativa no nosso time de respeito e que respeita o nosso time.

“No fio do bigode” é expressão tão antiga quanto vitória do Palestra. Ele é artilheiro que no “fio do bigode” firmou de boca onde jogou. Cumpriu a palavra empenhada. Com muito empenho jogando por dentro ou por fora do ataque e com pouca palavra ofensiva jogada fora. Falando pela bola e não pela boca. Doando sem doer. Calado calando críticas. Calado aceitando cobranças e a reserva. Calado nos fazendo gritar.

Willian é no fio do bigode. Não precisa escrever, assinar e atestar no cartório. É só confiar. É só tocar pra ele. Ê só ver como ele se toca no jogo. Como troca de função. Como é tocante o empenho e desempenho. Como vale ter no elenco um cara que agrega. Como pede ter no time um atacante que marca tanto os gols quanto os rivais. Como pode um atleta fazer muito sem se desfazer de ninguém.

O Palmeiras não precisa apenas de Willian em campo. Precisa do espírito dele em todos os campos. Humildade e trabalho. Resiliência e resistência. Versatilidade e objetividade.

O Palmeiras precisa saber que tem momentos em que as coisas não rolam. É preciso ralar. Nessas horas é que aparecem não só os que podem dar mais. Mas os que doam demais. Os Willians.

Não por acaso, o vencedor do Porco de Ouro. Prêmio que reconhece o melhor palmeirense na temporada 17-18. Votação popular de quem acompanha o NOSSO PALESTRA. E quem nos acompanha sabe que não teve companhia mais confiável entre agosto de 2017 e e julho de 2018 que Willian.

O que tem vontade. Boas intenções. “Goodwill”. Em inglês, “boa vontade”; em palmeirês, “Willian”.

Willian-1-1

Confira em breve a entrevista exclusiva de Willian ao NOSSO PALESTRA.

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.