Gustavo Gómez, do Palmeiras, confirma proposta do Al-Ittihad: ‘Tenho contrato e vou respeitar’

Atleta atraiu interesse de equipes do Oriente Médio, mas diretoria ratificou decisão de não negociar atletas nesta janela de transferência

O zagueiro Gustavo Gómez, do Palmeiras, foi alvo de times árabes durante a janela transferências. O Al-Ittihad, da Arábia Saudita, formalizou uma proposta para o jogador paraguaio porém a diretoria palmeirense entendeu não ser o momento de negociar o capitão do time a não ser pela multa prevista em contrato. Em entrevista após o treinamento desta segunda-feira (4) pela seleção paraguaia, o zagueiro confirmou o interesse do time árabe.

Conheça o canal do Nosso Palestra no Youtube! Clique aqui.
Siga o Nosso Palestra no Twitter e no Instagram / Ouça o NPCast!
Conheça e comente no Fórum do Nosso Palestra

Relacionadas

– Sim, a oferta existia, não vou ser hipócrita em dizer que a proposta não era boa. Mas devo isso ao Palmeiras e ao contrato que tenho. Tenho contrato firmado e vou respeitar. Estou tranquilo – afirmou

VEJA NO NOSSO PALESTRA
Gustavo Gomez responde sobre interesse do Al Ittihad

O Verdão entende que Gómez é um nome fundamental na equipe. O atleta é o capitão do time comandado por Abel Ferreira e, por isso, o clube decidiu que não iniciar negociações para sua saída, uma vez que o Maior Campeão Nacional é o vice-líder do Brasileirão – 10 pontos atrás do Botafogo – e está na semifinal da Libertadores e enfrentará o Boca Juniors, da Argentina.

Após a vitória contra o Vasco da Gama, no último dia 27 de agosto, o comandante palmeirense comentou a situação envolvendo o paraguaio e a importância para o elenco palmeirense:

–  Eu vou dizer o que penso. (O interesse do Al-Ittihad no Gómez) são números absurdos, são muitos grandes para o jogador e também para o clube. Temos uma líder (Leila Pereira) que tem que tomar decisões. Nunca tive um profissional como o Gómez, um homem de caráter como ele. A minha admiração e estima por ele já era grande e fico feliz que escolheram o melhor capitão possível – analisou ao ser perguntado sobre o capitão.

– O que vai acontecer no futuro eu não sei, mas tenho uma grande admiração por ele. Hoje ele jogou como se fosse a primeira vez, é uma inspiração para todos. Eu não sei se a TV Palmeiras está aqui na coletiva de imprensa, mas se um dia vocês quiserem ver como ele trabalhar a sério, eu nunca vi algo parecido. O que ele faz, se dedica, renúncia. É um absurdo. Ele merece todo esse dinheiro. É um jogador fora de série – acrescentou.

Pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2026, a seleção do Paraguai, capitaneada por Gustavo Gómez enfrentará a seleção peruana, na próxima quinta-feira (7) e a Venezuela, no dia 12 de setembro.