Mason Mount, do Chelsea, analisa Palmeiras antes do Mundial: ‘Mostraram muito coração’

Além do meia, o zagueiro Thiago Silva também falou sobre a competição, destacando a maior importância dada pelos brasileiros

Se preparando para o Mundial de Clubes, o Chelsea, possível rival do Palmeiras em uma eventual final, faz os ajustes finais antes de embarcar para os Emirados Árabes Unidos e mostra que o Verdão não é um rival desconhecido. Em entrevista a ESPN Brasil, Mason Mount e Thiago Silva falaram sobre o time de Abel Ferreira e uma possível decisão.

Conheça o canal do Nosso Palestra no Youtube! Clique aqui.
Siga o Nosso Palestra no Twitter e no Instagram / Ouça o NPCast!
Conheça e comente no Fórum do Nosso Palestra

Relacionadas

Meia da equipe e da Seleção Inglesa, Mount destacou que o time palestrino tem muito coração, e, que embora não tenha assistido muitos jogos, viu a final de Libertadores entre Palmeiras e Flamengo.

– Eu não vi muitos jogos, mas sei que são bem intensos, muito agressivos e com fome de vencer. Qualquer time que nos enfrenta vai querer nos vencer e parecem ser um bom time, um bom time. E eles venceram a final, mostraram muito coração – destacou.

Cria das categorias de base da equipe, assim como muitos dos jovens jogadores do Palmeiras que vão estar em Dubai, Mount ainda afirmou que o Chelsea vai firme em busca do título inédito. Com sua trajetória sempre escrita junto aos Blues, o certame mundial é um dos únicos que falta para o atleta.

– Acho que nunca vencemos, então queremos ganhar essa competição. Mentalmente, queremos sempre vencer as competições que jogamos –  afirmou o atleta – finalizou.

Quem também falou sobre a importância do Mundial foi o zagueiro brasileiro Thiago Silva. Admitindo que clubes tupiniquins dão mais valor à competição, o defensor relatou que os europeus jogam para vencer e que o Chelsea chegará preparado no Oriente Médio.

– Todos os jogadores que aqui estão, junto com a comissão técnica, pensam em ganhar sempre. Não adianta vir com papinho de que vamos jogar para perder. Ninguém joga para perder. Nem no par ou ímpar gostamos de perder, imagina num Mundial de Clubes – disse Thiago.

– É claro que se tratando de Brasil e Europa, eles (equipes no futebol brasileiro) dão muito mais valor, mas eu sou brasileiro e vou motivar muito os meus jogadores. Então pode ter certeza de que o Chelsea vai chegar forte e preparado – completou o brasileiro.

Estreando no Mundial dias 8 e 9 respectivamente, Palmeiras e Chelsea ainda têm compromissos antes do torneio da FIFA. Os ingleses enfrentam o Plymouth Argyle, da terceira divisão inglesa, na quarta rodada da Copa da Inglaterra no dia 5 de fevereiro. Já o Palestra ainda enfrenta São Bernardo e Água Santa no Campeonato Paulista antes de viajar.

LEIA MAIS
Luan começa temporada com bons números
São Bernardo x Palmeiras: saiba como assistir