Análise: Denílson está certo ao afirmar que o sintético atrapalha o Palmeiras?

O Verdão tem um bom aproveitamento jogando em casa, mas o desempenho de sua equipe vem deixando a desejar

Para o ano de 2020, a WTorre optou pela instalação de uma grama sintética no Allianz Parque. Esta mudança gerou, recentemente, críticas do ex-jogador Denílson, que argumentou que o gramado sintético atrapalha o desempenho do Palmeiras, no “Jogo Aberto”, programa esportivo da TV Band:

“Parece que o sintético não foi uma coisa boa para o Palmeiras porque eles erram muitos passes. Por mais que o sintético se aproxime do gramado natural, muda a sensibilidade do passe. O Palmeiras errou muitos passes”

Conheça o canal do Nosso Palestra no Youtube! Clique aqui.

Relacionadas

O Palmeiras soma dez partidas de invencibilidade em seu estádio, ou seja, o Verdão não sabe o que é perder no Allianz Parque na atual temporada. O desempenho da equipe em casa, porém, não é dos melhores, mesmo com um aproveitamento de, aproximadamente, 73%.

Patrick de Paula fez o gol da última vitória palmeirense no Allianz, contra a Ponte Preta no dia 02 de agosto (Foto: Cesar Greco)

De todos os nove adversários brasileiros do Alviverde, apenas três disputam a Série A do Brasileirão. Nestas partidas, o Verdão foi incapaz de sair vitorioso, apresentando um futebol apático e sem criatividade (o Palmeiras acertou apenas cinco chutes no gol, fez três gols e teve um aproveitamento de, aproximadamente, 33%). No único jogo internacional, o time de Luxemburgo venceu o Guarani do Paraguai por 3 a 1.

Siga o Nosso Palestra no Twitter e no Instagram!

Fora de seu estádio, o Palmeiras soma oito vitórias, seis empates e duas derrotas (62,5% de aproveitamento). Destas partidas, onze foram contra adversários da primeira divisão e, nesses confrontos, o Alviverde conquistou apenas 47% dos pontos disputados, aproveitamento maior do que o apresentado em casa contra adversários da elite do futebol brasileiro. O Verdão jogou, também, uma partida na Argentina, contra o Tigre, pela Libertadores e saiu vitorioso.

Logicamente, o contexto de cada partida pesa e há uma infinidade de outras variáveis para além do gramado. O fato de os adversários jogarem mais fechados quando visitam o Allianz, por exemplo, tem interferência direta no desempenho da equipe de Vanderlei Luxemburgo. Quando enfrenta um time recuado, o Palmeiras cria pouco e, consequentemente, faz menos gols. Portanto, mesmo que o novo tapete sintético fosse um problema, a situação estaria longe de se resumir somente a isso.

O próximo jogo do Palmeiras jogando no gramado sintético do Allianz Parque será no domingo (13) às 19h45 (horário de Brasília), contra o Sport. A transmissão do confronto é excluisiva do Premiere.

LEIA MAIS:
+ Palmeiras revê Jair Ventura com ótimo aproveitamento no Allianz Parque
+ Palmeiras divulga bastidores do Dérbi: ‘Eles sabem que vão enfrentar o campeão!’
+ Visitante indigesto: Palmeiras reencontra o Sport no Allianz Parque