Felipão começa bufando. E bem.

Felipão começa bufando. E bem.

O primeiro som emitido pelo treinador campeão nacional na primeira entrevista na temporada foi a famosa bufada felipônica. É o que será 2019. O treinador x tudo. Mas a favor do clube. Sempre.

Felipão conseguiu fazer em 2018 o que nunca havia acontecido nos torneios brasileiros desde 1959 - ser campeão usando equipes mistas em quase metade do campeonato. Foi o grande legado ao Palmeiras e ao futebol nacional deixado pelo técnico.

Norte e mote básicos para 2019 no clube. Algo que não depende apenas da competência, experiência e tamanho do treinador. Vai muito da cabeça, coração, cotovelo e fígado dos atletas. Algo que Felipão pretende fazer ainda mais na temporada, e também entre os ótimos goleiros que tem.

Ele já deixou a letra para 2019. O rodízio gaúcho será mantido. Desde que o jogador não se encoste na “certeza” de que estará escalado no jogo seguinte ao banco. Desde que entenda esse mecanismo que deu muito certo. E é a melhor garantia para dar ainda mais na temporada cheia é promissora.

  • Mauro Beting

    Mauro Beting

    Mauro Beting é comentarista do Esporte Interativo e da rádio Jovem Pan, blogueiro do UOL, comentarista do videogame PES desde 2010. Escreveu 16 livros, e dirigiu três documentários para cinema e TV.