Destaque no Sub-17 do Palmeiras, Gabriel Silva exalta trabalho na base e cita suas inspirações no futebol

Destaque no Sub-17 do Palmeiras, Gabriel Silva exalta trabalho na base e cita suas inspirações no futebol

Fabio Menotti/Ag Palmeiras/Divulgação

Multicampeão, o Palmeiras está vivendo o seu melhor momento nas categorias de base. O Verdão coleciona títulos do Sub-11 ao Sub-20, e os frutos do bom trabalho estão sendo colhidos ano a ano, seja com promoções para o time principal ou venda dos atletas.

E uma das grandes promessas do clube está no Sub-17. Gabriel Silva vem sendo fundamental para o elenco do Verdão há alguns anos, e foi decisivo na última quarta-feira, quando o Palmeiras bateu o São Paulo por 2 a 0 no Pacaembu e conquistou a Copa do Brasil da categoria.

Na ocasião, Gabriel fez o gol do título do Alviverde e já vem chamando a atenção há algum tempo, sendo artilheiro e uma das peças mais importantes do time que foi bicampeão mundial na Espanha há alguns meses.

O NOSSO PALESTRA conversou com exclusividade com o meia-atacante, que contou sobre o trabalho feito da base, interação com o profissional, seus ídolos no futebol e muito mais.

Confira:

NP: Você é um jogador versátil. Já jogou no ataque, no meio, também pode jogar pelos lados. Mas em qual posição você prefere jogar e se sente mais confortável, sente que pode render mais?

Gabriel Silva: Acredito que consigo render mais jogando como um camisa 10. Tenho boa movimentação, visão de jogo e gosto de finalizar de fora da área.

NP: Você já jogou com grandes públicos como na final do Paulista Sub-15 de 2017 no Allianz Parque. Ontem também teve um público no Pacaembu. Quais diferenças você sente nos jogos quando tem a torcida para as demais partidas? O quanto isso ajuda o time?

Gabriel Silva: A torcida é o que leva o time pra frente. Me ajuda muito ouvir os gritos de incentivo vindo da arquibancada. Sem a torcida, nada disso teria sido possível!

NP: O atual elenco do Sub-17 já está acostumado com finais e títulos há alguns anos. Quando o Palmeiras chega pra mais uma final como ontem, você sente que o time está mais maduro pra encarar jogos grandes assim? É como se o time estivesse mais preparado depois de tantas finais?

Gabriel Silva: Sim, claro. Nosso time está acostumado a disputar jogos importantes. Treinamos forte todos os dias para momentos como esses.

NP: Alguns jogadores do Sub-17, Sub-20 já foram chamados pra treinos com o profissional na trasição base-profissional. Você já treinou com o time de cima alguma vez? Se sim, como foi a experiência?

Gabriel Silva: Sim, já treinei e fui uma experiência muito boa. Quero aprender o máximo que conseguir com os jogadores da equipe principal do Palmeiras. Não é a toa que são os atuais campeões brasileiros.

NP: Quais objetivos da sua carreira? Seus sonhos.

Gabriel Silva: Meu objetivo é ser um exemplo de atleta para as crianças que estão crescendo e me vendo jogar. Quero conquistar títulos e fazer uma carreira memorável no futebol.

NP: Em quais jogadores você se espelha? Tanto no Brasil como fora.

Gabriel Silva: Me espelho no Messi e no Zé Roberto. Para mim são fenômenos que além da técnica possuem uma concentração dentro de campo que é admirável.

  • Mohamed Nassif

    Mohamed Nassif

    Jornalista formado em 2016 pela FIAM-FAAM. Teve passagens pela TV Bandeirantes e pelo portal Torcedores.com