Atuações: Felipe Melo e Marcos Rocha salvam Palmeiras em noite pouco criativa

Atuações: Felipe Melo e Marcos Rocha salvam Palmeiras em noite pouco criativa

(Foto: Cesar Greco / SE Palmeiras / Divulgação)

7,0 - Weverton: Destaque do 1º tempo. Fez grandes defesas e garantiu que o Palmeiras passasse ileso.

7,0 - Marcos Rocha: Fez partida discreta, mas foi decisivo ao marcar o segundo gol e selar a classificação à semifinal.

6,5 - Felipe Melo: Herói do jogo: marcou o gol que abriu o placar aos 43' do 2T. Porém, falhou algumas vezes no 1T, onde foi mal. No meio do 2T foi pra volância, onde passou a participar mais da criação. Tomou amarelo infantil após o gol.

6,5 - Gustavo Gómez: Não comprometeu e ajudou o time a passar ileso, mas não teve muito destaque por sentir a falta de ritmo.

6,5 - Diogo Barbosa: Foi razoavelmente bem nos lances ofensivos, mas ainda continua errando muitos cruzamentos. Não comprometeu na defesa.

6,0 - Patrick de Paula: Muito voluntarioso, mas fez parte de um meio de campo que pouco criou.

6,0 - Ramires: Participou pouco do 1T, quando tinha o dever de ajudar mais na criação de jogadas. Melhorou levemente no 2T como volante, mas durou pouco até ser substituído.

6,0 - Gabriel Menino: Deu um excelente passe para finalização de Willian, mas o atacante desperdiçou. Tomou um cartão amarelo num lance perigoso, que foi checado no VAR para possível expulsão. Saiu no intervalo.

5,0 - Rony: Ainda não fez uma boa partida após a volta da quarentena. Tomou um cartão amarelo bobo, perdeu algumas bolas no 1x1 e foi substituído no intervalo.

5,5 - Willian Bigode: Não fez uma boa partida. Perdeu uma das grandes chances do jogo (após passe do Gabriel Menino no 1T) e fez parte de um ataque desorganizado, o que pode ter prejudicado seu jogo.

6,5 - Luiz Adriano: Participou decisivamente do segundo gol e foi muito voluntarioso durante a partida. Jogou de atacante, meia, voltou pra marcar, fez pivô. O ataque desorganizado também prejudicou seu jogo.

5,0 - Vanderlei Luxemburgo: Time permanece sem padrão de jogo. Muita posse e pouquíssima criatividade. Fugiu de um vexame hoje por muito pouco: o primeiro gol saiu num escanteio aos 43' do 2T.

SUBSTITUIÇÕES

6,0 - Lucas Lima: Entrou logo após o intervalo e participou pouco da partida. Salvou sua atuação com a assistência (de escanteio) para o gol de Felipe Melo, que abriu o placar.

5,5 - Gustavo Scarpa: Também entrou logo no início do 2T, mas não conseguiu fazer a diferença positivamente. Errou passes e cruzamentos.

6,0 - Luan: Entrou na metade do 2T para promover a mudança de posicionamento do Felipe Melo, que foi adiantado à volância. Seu grande destaque foi o lançamento que iniciou a jogada do segundo gol.

6,0 - Bruno Henrique: Entrou na metade do 2T para ser uma espécie de 'meia de ligação'. Com a desorganização do time, ficou mais próximo do ataque, mas não ajudou nem atrapalhou.

6,0 - Zé Rafael: Entrou aos 45' do 2T e, com pouco tempo em campo, participou decisivamente do lance do segundo gol.

  • Guilherme Paladino

    Guilherme Paladino

    Palmeirense, estudante de jornalismo na UNESP, com passagem pelo Torcedores e atualmente setorista no Nosso Palestra. Apaixonado por jornalismo e por esportes. "A bola não entra por acaso."